Mais conhecida como Irmã Dulce, Beata Dulce dos Pobres ou Bem-Aventurada Dulce dos Pobres, nasceu em Salvador, em 1914. Foi uma religiosa católica brasileira, que recebeu o epíteto de “o anjo bom da Bahia”. Irmã Dulce notabilizou-se por suas obras de caridade e de assistência aos pobres e necessitados. Mesmo com saúde frágil, Irmã Dulce construiu e manteve uma das maiores e mais respeitadas instituições filantrópicas do país, a Associação Obras Sociais Irmã Dulce.

Em 1936, fundou, com Frei Hildebrando Kruthaup, a União Operária São Francisco, 1º movimento cristão operário da Bahia. No ano seguinte, criaram o Círculo Operário da Bahia. Em 1939, inaugurou o Colégio Santo Antônio, voltado para operários e seus filhos. No mesmo ano, criou o Hospital Santo Antônio, que continua atendendo aos pobres. Em 1988, foi indicada para o Prêmio Nobel da Paz. Em 2000 foi distinguida pelo papa João Paulo II com o título de Serva de Deus.

No related posts.