por Lucilene Manhanini Ribeiro de Souza – Leninha” 

Nascer… Crescer… Viver

É a linha do tempo

Traçada com contentamento

Como num passo de mágica

Ela vem e ela vai…

E nessas idas e vindas

Traça sua história, linda!

De pequena já era capaz

De seu sonhos não deixar prá trás

Em sua face adolescente muitas lágrimas rolou

Mas com garra e coragem

Todas as dificuldades enfrentou

Na juventude não foi diferente

Levava sua vida sempre contente

Nunca deixava transparecer

Nenhum sinal de tristeza

Pois ela tinha toda certeza

Que Deus estava ali presente

E que nos momentos difíceis da vida

ELE iria lhe socorrer

O tempo foi passando…

Cada vez mais foi amadurecendo

Professora… Namorada… Noiva…

Esposa… Mãe … Cidadã…

E com a educação que recebeu

Vai cumprindo seu papel de cristã

…Nas reviravoltas da vida

Um dia se viu embaraçada

E como sempre questionadora

A um amigo foi perguntar:

Menino o que eu faço, neste desconhecido lugar?

E o amigo com sabedoria

Logo se pôs a explicar:

Aqui menina você veio, uma missão realizar

Também sábia como o amigo

Diante de um projeto ela se viu

E passo a passo com coragem

A sua missão cumpriu

Passo a passo, ela vai a caminhar

E novamente em sua frente

Outro desafio surgiu

Precisou de muitos momentos

De reflexão e oração

Mas como sempre corajosa

Tomou a sua decisão

Uma decisão importante

Porque a partir daquela hora, Ela iria embora

Prá sua terra natal ia voltar

Realizava ali um sonho

Que apesar de ser real

Muitos desafios tinha que enfrentar

Corajosamente a menina

Os desafios enfrentou

Mostrou que na nossa vida

Na chegada ou na partida

Deus nunca vai nos abondanar.

Hoje ela vai seguindo sua vida

E os desafios continua a enfrentar

Mas com amadurecimento

Todos vêem seu contentamento

De seu Jubileu de Ouro comemorar.

Prá ela o seu jubileu

É um “marco” na sua história

Pois foi aí que decidiu

Voltar aos tempos de glória

E o que ela fez primeiro

Procurou seu conselheiro

O padre de sua paróquia

Isto porque ela precisava

De alma lavada voltar

Hoje já é mulher feita

Cinqüenta anos de vida comemora

Onde vai é muito bem aceita

Tem carisma… vontade… coragem

E quando a situação se estreita

Tem sabedoria o bastante

Prá ir para a esquerda ou a direita

Na volta os seus amigos

Logo vieram lhe procurar

Venha menina conosco

Da CÁRITAS participar

Embora não muito segura

Está sempre à procura

Tentando tudo entender

Para sua contribuição

Ela poder lhes dar

E é com esta intenção

Que momento ela vem

Seu compromisso firmar

E a instituição da CÁRITAS

Com ela pode contar.

No related posts.